A Importância Do Conforto Das Vacas Leiteiras

A Importância Do Conforto Das Vacas Leiteiras
Publicado em: AGROPECUÁRIA , BOVINOS , CADEIA PRODUTIVA PECUÁRIA , CONFINAMENTO DE GADO , GADO DE LEITE , GESTÃO RURAL , PECUÁRIA LEITEIRA , VACA ,

Embora muitos produtores negligenciem essa questão, o conforto das vacas leiteiras influencia na qualidade do leite produzido.

Seja numa criação de confinamento ou a pasto, existem fatores que podem agir como empecilho para o bem-estar no animal, podendo provocar-lhe stress, demasiado desconforto e, por consequência, diminuir a eficiência produtiva da fazenda.

O principal fator influenciador é o clima. Este, se não levado em consideração na hora de pensar a locação do animal, pode ser uma grande dor de cabeça. Entenda como.

O Clima Quente/Seco

Vacas Leiteiras a PastoFala a verdade, você exerce melhor as atividades do seu dia-a-dia se houver sombra e água fresca, certo? Com as vacas leiteiras não é diferente!

Grande parte dos animais criados para a produção leiteira é sensível às elevadas temperaturas. O calor em excesso prejudica a produção e o desempenho reprodutivo das vacas. Estes animais reduzem a ingestão de alimentos quando estão sob stress calórico, reduzindo o escore de condição corporal.  Não condicionado a isso, o calor excessivo também afeta o status endócrino das vacas, reduz o tempo de ruminação e a absorção dos nutrientes.

O Clima Chuvoso/Úmido

Os climas muito úmidos também podem se tornar um problema. O aumento considerável da umidade relativa do ar prejudica a perda de calor bovina. Posto que, 85% desta se dá por meio de processos evaporativos (transpiração e respiração). Além do stress gerado pelo aumento da umidade relativa do ar, outro grande problema em potencial é o acúmulo de lama nos currais.

Em períodos chuvosos, por exemplo, seguir a rotina de limpeza pode ficar difícil, então o esterco gerado pelos animais impede a infiltração normal da água acumulada nos dias de chuva, o que gera uma grande quantidade de lama nos piquetes, barracões e currais de espera.

Além de gerar desconforto aos animais,  a lama acumulada pode facilitar a ocorrência de mais outros dois problemas:

Mastite

Ambiente propício à proliferação de doenças e manejo inadequado podem resultar em Mastite Bovina. Caracterizada por um processo de inflamação da glândula mamária, a doença é promovida principalmente por bactérias. Sua ocorrência aumenta em época chuvosa do ano, afetando o desempenho produtivo e reprodutivo dos animais, diminuindo também a qualidade do leite, devido ao aumento na contagem de células somáticas (CCS).

Atrelado a isso, está a problemática dos elevados custos com o tratamento dos animais acometidos pela doença.

Amolecimento Dos Cascos

Outro problema sanitário que surge quando há um grande acúmulo de lama nos currais é o amolecimento dos cascos dos animais. Esse amolecimento faz com que o casco se desgaste com facilidade, deixando-o mais suscetível às infecções, pois os ferimentos cicatrizam com maior dificuldade. O resultado é dor e desconforto para os animais.

É importante destacar que, mais que o controle sanitário,  para prevenir as doenças dos cascos é interessante que seja utilizado nos animais o pedilúvio, pelo menos uma vez ao dia.

Sistemas De Solução Para Conforto Das Vacas Leiteiras

Bem Estar das Vacas LeiteirasExistem alguns sistemas de criação que são integrados à propriedade, a fim de proporcionar maio conforto para as vacas. Tratam-se de sistemas projetados para manter o equilíbrio entre os componentes da propriedade(árvores, plantas forrageiras e animais) e suas interações. Além da relação com os fatores ambientais, tais como o clima e relevo. Os sistemas de solução exigem planejamento rigoroso e conhecimento adequado. Caso contrário, podem resultar em prejuízo.

Confira agora os principais sistemas de solução.

Sistema Silvipastoril (SSP) 

No Silvipastoril, há uma combinação intencional de árvores, pastagem e gado numa mesma área. Os componentes são manejados de forma integrada, com o objetivo de potencializar a produtividade por unidade de área. Esse sistema pode evitar a degradação dos recursos naturais, permitindo a recuperação da área produtiva.

A criação de animais com árvores dispersas na pastagem, em divisas e em barreiras de quebra-ventos, podem reduzir a erosão, melhorar a conservação da água, reduzir a necessidade de fertilizantes minerais, capturar e fixar carbono, variar a produção, aumentar a renda e a biodiversidade e melhorar o conforto dos animais.

O principal fator que proporciona o conforto dos animais nesse sistema está relacionado à criação de sombras.

Free Stall

O Free Stall é caracterizado por um galpão, coberto, com uma cama de areia para cada animal para que este passe o dia ruminando nesse ambiente. É um sistema ideal para os produtores de gado leiteiro. Posto que, as raças de vaca com aptidão para a produção de leite não costumam se adaptar ao clima tropical.

O custo de implantação de um free-stall no Brasil pode chegar a US$ 1.200,00 por cabeça.

Compost Barn

Trata-se de em uma grande área coberta de descanso para vacas leiteiras, normalmente revestida com uma cama de serragem, aparas de madeira e esterco compostado. Sua característica básica é a compostagem desta cama, cujo objetivo é proporcionar um local confortável e seco durante todo o ano.

Priorize O Descanso

Para garantir o desempenho da produtividade, é necessário garantir, no mínimo, 8-10 horas diárias. O descanso deve se dá em espaço suficiente, pelo menos 5 m² por vaca, que seja fresco, seco e confortável. Vale ressaltar que a produção de leite mantem relação direta com o fluxo de sangue que chega na glândula mamária. Quando as vacas estão deitadas, o fluxo de sangue que chega ao úbere é de aproximadamente 342 litros/hora. No entanto, quando as vacas estão em pé, esse fluxo é de 228 litros/hora. Ou seja, em pé, as vacas produzem menos leite.

As vacas costumam dar sinais quando estão em situação de stress. Fique atento:

- Balançam as cabeças, permanecem em pé e têm aparência de cansadas nas áreas de descanso;

- A contagem de células somáticas e a incidência de problemas de casco aumentam;

- Preferem deitar a pastejar quando entram num piquete novo.

Dar conforto às vacas não custa caro e pode economizar muito dinheiro ao produtor.

image/svg+xml

Whoops, looks like something went wrong.

(1/1) ErrorException

file_put_contents(): Only 0 of 211 bytes written, possibly out of free disk space

in Filesystem.php line 122
at HandleExceptions->handleError(2, 'file_put_contents(): Only 0 of 211 bytes written, possibly out of free disk space', '/var/www/sitelaravel/vendor/laravel/framework/src/Illuminate/Filesystem/Filesystem.php', 122, array('path' => '/var/www/sitelaravel/storage/framework/sessions/pmEDNFo1MO0xrQUOJz4hQqM4KDaN3LJWtCkycVsK', 'contents' => 'a:3:{s:6:"_token";s:40:"gXUbgx442S1A8w5d2NFVsZ7LTDubyYA12CDhzfsd";s:9:"_previous";a:1:{s:3:"url";s:53:"https://fertili.com.br/o-conforto-das-vacas-leiteiras";}s:6:"_flash";a:2:{s:3:"old";a:0:{}s:3:"new";a:0:{}}}', 'lock' => true))
at file_put_contents('/var/www/sitelaravel/storage/framework/sessions/pmEDNFo1MO0xrQUOJz4hQqM4KDaN3LJWtCkycVsK', 'a:3:{s:6:"_token";s:40:"gXUbgx442S1A8w5d2NFVsZ7LTDubyYA12CDhzfsd";s:9:"_previous";a:1:{s:3:"url";s:53:"https://fertili.com.br/o-conforto-das-vacas-leiteiras";}s:6:"_flash";a:2:{s:3:"old";a:0:{}s:3:"new";a:0:{}}}', 2)in Filesystem.php line 122
at Filesystem->put('/var/www/sitelaravel/storage/framework/sessions/pmEDNFo1MO0xrQUOJz4hQqM4KDaN3LJWtCkycVsK', 'a:3:{s:6:"_token";s:40:"gXUbgx442S1A8w5d2NFVsZ7LTDubyYA12CDhzfsd";s:9:"_previous";a:1:{s:3:"url";s:53:"https://fertili.com.br/o-conforto-das-vacas-leiteiras";}s:6:"_flash";a:2:{s:3:"old";a:0:{}s:3:"new";a:0:{}}}', true)in FileSessionHandler.php line 83
at FileSessionHandler->write('pmEDNFo1MO0xrQUOJz4hQqM4KDaN3LJWtCkycVsK', 'a:3:{s:6:"_token";s:40:"gXUbgx442S1A8w5d2NFVsZ7LTDubyYA12CDhzfsd";s:9:"_previous";a:1:{s:3:"url";s:53:"https://fertili.com.br/o-conforto-das-vacas-leiteiras";}s:6:"_flash";a:2:{s:3:"old";a:0:{}s:3:"new";a:0:{}}}')in Store.php line 128
at Store->save()in StartSession.php line 88
at StartSession->terminate(object(Request), object(Response))in Kernel.php line 218
at Kernel->terminateMiddleware(object(Request), object(Response))in Kernel.php line 189
at Kernel->terminate(object(Request), object(Response))in index.php line 58